Notícias

E se correr rápido demais?

Quem corre frequentemente, acaba por se confrontar com uma questão: a gestão da velocidade, tempo e esforço.

“Comecei por correr lento demais. A adrenalina e os nervos do princípio da corrida acabaram por me fazer abrandar. Parecia que não conseguia acelerar.”

Esta não é uma afirmação habitual de um runner.

Ao contrário, é bastante comum ouvirmos dizer: “Comecei rápido demais” ou “Não fui capaz de abrandar no início e acabei por estragar tudo”.

É provável que também já tenhas iniciado uma corrida depressa demais ao longo da tua participação em treinos e provas. Podes até pensar que é impossível começar uma corrida a um passo mais controlado.

Alterar este hábito é possível, mas precisarás de prática, força de vontade e alguma disciplina mental.

Num dia de prova, as pernas frescas, a excitação de um dia de corrida e a adrenalina podem impedir que cumpras o teu plano de corrida logo nos primeiros quilómetros. Começar rápido demais é um grande não, especialmente quando queres executar uma estratégia inteligente de corrida: pode causar fadiga cedo demais e acaba também por te afetar psicologicamente.

Na verdade, até podes começar uma corrida rápido demais, mas deves abrandar antes que seja tarde demais.

Então, como treinar para correr a uma velocidade consistente?

Aqui está o que deves fazer da próxima vez que te sentires a correr rápido demais durante uma corrida:

#1: Não entres em pânico. Aceita o facto de estares a correr rápido demais, mas não te julgues nem deixes que isso te afete demasiado. É importantes acalmares com pensamentos como “Estou a ir depressa demais, mas tudo bem. Só preciso de me acalmar um pouco para ajustar o meu passo e o meu nível de esforço.”

#2: Presta atenção ao teu corpo. A tua respiração, o ritmo do teu passo, o balanço dos braços e o som dos teus pés a pisar o chão dar-te-ão feedback imediato de quão rápido estavas a correr e de quando finalmente começaste a abrandar.

#3 Não ultrapasses a pessoa imediatamente à tua frente. Uma das formas mais simples de abrandar é aguentar um pouco atrás da pessoa que estarias prestes a passar à frente. Usa esse corredor como um compasso de tempo. Depois de controlares a respiração e abrandares o teu passo, podes ultrapassar esse atleta. Usa esta tática uma e outra vez, sempre que achares necessário.

#4 Dá-te alguma margem de manobra. Como parte da estratégia de um dia de corrida, planeia dar-te a ti mesmo o primeiro quilómetro e meio para ganhares tempo e conseguires encontrar o passo certo para correres a distância a que te propões. Quando alcançares o primeiro quilómetro e meio, abranda o passo.

Numa maratona ou numa meia maratona, correr rápido demais durante essa distância não irá arruinar a tua corrida. Se estás a correr um percurso mais curto, então, deves controlar o teu passo e abrandar antes de fazeres essa marca do quilómetro e meio.

 

 

Este artigo foi desenvolvido a partir de informarções partilhadas pela blogger racepacejess.com.

Últimas notícias

Mais notícias